Skip to content

Startup.cs na versão .Net Core 2.0, veja o que mudou

A nova Startup.cs na versão .Net Core 2.0 teve pequenas mudanças, mas é bom você entender por que houve essas mudanças e saber diferencia-las.

O time da Microsoft colheu feedbacks e ouviu pedidos para criar um hosting padrão. Quando falo padrão quero dizer o que normalmente se cria, por exemplo: Kestrel, IIS como proxy reverse, arquivo de configuração default, log e algumas outras coisas.

Com isso a criação de um hosting mudou de

Para

Repare que agora eu não falo mais o que eu quero em um hosting, eu apenas peço para criar.

Com isso, a nossa classe Startup teve mudanças em seu construtor conforme o código abaixo

Para

Note, agora eu não estou mais configurando o arquivo de configuração, agora vem pelo construtor da classe. Isso acontece por que como mudamos a forma de criar o hosting, agora o hosting injeta o arquivo de configuração na classe Startup.

Na minha opinião ficou mais clean agora, mas vale lembrar que a forma antiga ainda funciona. Eu mesmo tenho uma aplicação que converti da versão 1.1 para 2, mas resolvi não mudar no hosting.

O legal de aprender a primeira versão do .Net Core, é que você acaba vendo como ele seta o arquivo de configuração, acredito que esse aprendizado seja de valor para o desenvolvedor para quando precisar fazer “algo diferente”.

Uma coisa que tem que se deixar claro, é que mesclar a primeira versão com a segunda versão não vai funcionar e esse foi o meu objetivo nesse artigo, elucidar o desenvolvedor para saber qual foi a mudança e optar por utilizar uma ou a outra versão.

É isso ai galera, espero que eu tenha ajudado e forte abraço.

Você gostou desse artigo? Gostaria de saber mais sobre ASP.NET Core? Eu desenvolvi um curso na Udemy, preço camarada e com mais de 13h de curso. Acesse https://www.udemy.com/aspnet-core-aprendendo-do-zero-ao-avancado/

Published in.Net Core

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *